Residência Artística

Viseu, Portugal – Abril/Maio 2017

A edição de 2017 do Fujifilm FIF Viseu – Festival Internacional de Fotografia, colocou a concurso uma residência subordinada ao tema “Inspiring Positive Change”, aberta a todos os fotógrafos, independentemente da sua origem. Esta residência acontece entre Abril e Maio de 2017, no distrito de Viseu.
O desafio é olhar para as freguesias limítrofes de Viseu, promovendo um entendimento mais amplo dos seus contornos sociais e económicos, valorizando as suas especificidades, aproximando as comunidades e envolvendo-as na obra fotográfica. A Residência “Inspiring Positive Change” pretende fomentar a criação artística contemporânea e o desenvolvimento de uma linguagem criativa distintiva no domínio da fotografia.
Desta residência resulta uma série fotográfica com o mínimo de 48 imagens, 25 das quais, aproximadamente, serão expostas durante a edição a decorrer do Fujifilm FIF Viseu – Festival Internacional de Fotografia. A totalidade do trabalho será editado em livro em 2018, com lançamento programado para a 2.ª edição do Fujifilm FIF Viseu a decorrer em 2018. Sem prejuízo da propriedade intelectual das imagens produzidas, o fotógrafo(a) selecionado autorizará a cedência das mesmas para o acervo fotográfico da cidade de Viseu. Da mesma forma, o fotógrafo(a) selecionado autorizará a publicação/difusão das imagens produzidas no âmbito desta residência pelos Media Partners do Fujifilm FIF Viseu – Festival Internacional de Fotografia. Ao fotógrafo(a) selecionado será ainda requerida a realização de um workshop dirigido a estudantes de fotografia/artes/multimédia e a apresentação do trabalho realizado no âmbito desta residência numa conversa com convidados a acontecer na edição corrente do Fujifilm FIF Viseu.

Vencedora: Leticia Valverdes

A residência internacional do Fujifilm Festival Internacional de Fotografia foi um sucesso extraordinário. A elevada qualidade dos trabalhos submetidos à apreciação do membros do Juri tornou muito difícil a escolha de um vencedor. Quase por unanimidade contudo, os membros do Júri escolheram Letícia Valverdes como a vencedora da residência do Fujifilm FIF Viseu. Parabéns Letícia, a história que nos vais contar é muito, muito interessante.
Aqui ficam as palavras de Roger Tooth, presidente do Júri:

“(…) A proposta de Letícia é irresistível. Ela obviamente tem uma conexão muito profunda com a área pela ligação de infância com a sua avó. A ideia de um cidadão lusófono do novo mundo que documenta o antigo é intrigante. O seu projeto postal funciona muito bem e encorajar as pessoas a escrever vai garantir um envolvimento com as pessoas de Viseu.”